Fechar
ABRIU O CORAÇÃO

Tiago Abravanel fala sobre comparação com Silvio Santos: ‘Muito medo’

Durante o programa “Faustão na Band” desta segunda-feira (20), o cantor revelou que não tem a mínima pretensão de ser o avô

Bruno PintoRepórter do EM OFF

Tiago Abravanel foi um dos convidados especiais do “Faustão na Band” desta segunda-feira (20). Além de soltar a voz no palco da atração diária, cantando hits de sucesso, o ex-participante do “Big Brother Brasil 22” voltou a falar sobre a relação com Silvio Santos, seu avô, um assunto que deu o que falar durante o período em que permaneceu confinado no reality show da Rede Globo.

Em um determinado momento do programa apresentado por Fausto Silva, João Guilherme, filho do veterano, abriu o coração ao revelar que seu pai sempre foi a maior inspiração. Ao comentar a fala do rapaz, Tiago Abravanel aproveitou para comentar sobre a influência de Silvio Santos em sua vida profissional. O cantor fez uma breve reflexão e disse ter sentido muito medo de comparações.

Logo de cara, o neto do Homem do Baú contou que o fato de estar sempre em busca de um lugar de destaque, sem precisar usufruir do status que sempre ganhou, não representa que o avó não seja uma referência de comunicador: “Quando eu falo de correr atrás das minhas coisas, independentemente da história do meu avô, não significa que eu não me inspire nele. Muito pelo contrário!”.

Tiago revelou que passou muito tempo de sua vida “escondendo” seu dom de se comunicar, por temer comparações com Silvio: “Durante muito tempo, eu fiquei com muito medo de arriscar mais o meu lado comunicador, justamente por estar na família de um dos maiores comunicadores do Brasil. Isso pra mim representava um medo, principalmente por causa das comparações que viriam”.

Continua após a publicidade

O cantor falou que, somente depois de um longo período, descobriu que comunicar vai muito além de simplesmente estar dentro de um estúdio, comandando uma atração na televisão: “Quando eu comecei a trabalhar e fazer o Baile do Abrava, por exemplo, acabou fazendo com que muita gente pensasse fora da caixa. Eu passei a entender que o Baile do Abrava não deixava de ser um programa de auditório”.

Por fim, Tiago Abravanel disse não fazer questão alguma de se transformar no avô e que sua trajetória profissional foi construída seguindo seus próprios caminhos”: “Só aí eu consegui entender que eu poderia ser um comunicador, mas tendo a minha história, tendo o meu caminho… Eu nunca vou ser o Silvio Santos e sequer tenho essa pretensão, mas, eu tenho a certeza de que eu posso ser o melhor do Tiago Abravanel”.